"Quero poder andar por ai.Conhecer lugares e pessoas. Quero amar e dizer que o amor não é apenas um conto, Mais uma realidade."

sexta-feira, 18 de setembro de 2009

PEDAÇOS DE MIM!!!!

Escrito hoje de madrugada

Me posto diante da tela branca, com o cursor piscando esperando a hora que as palavras
Escorram das minhas mãos e inundem as linhas
Atrás de mim ouço meus irmãos dormirem o sono alto
Roncos, respirações fortes são os ruídos da casa
Meus olhos estão vermelhos, coçam, ardem e mesmo assim não sinto um pingo de sono
Minhas mãos tremem pelo ar frio que entra pelas frestas das janelas de alumínio
As cortinas foram tiradas hoje para serem lavadas
Acabo de tomar uma xícara grande de café com leite
Isso só me faz ficar mais desperto, alerta
Mais ate gosto, me faz sentir dono da noite
Esta que hoje esta fria, de nuvens pesadas lá fora e garoa fininha
Gosto dessa liberdade de me apropriar da noite
Da casa que durante o dia é invadido pelo barulho metálico das panelas da minha mãe na cozinha
Pelo som alto tocando variados ritmos na sala
Dos gritos dos meus irmãos querendo saber onde estar tal camiseta, sapato, toalha
Da rua não escuto nenhum som agora,
Nada de latidos, de vendedores de pamonhas, de maças de amor, de abacaxis
Não há mais os garotos jogando bola e chutando-a no portão de casa
(para o desespero do meu pai)
A noite é minha
Sento diante do computador,
Deixo a televisão ligada ao lado mesmo não olhando uma única vez para ela
(sei que tenho que economizar energia, mais é mania minha, fazer o que)
Nestes momentos sei que posso ser o que quiser
Tento mentir nas minhas palavras, criar historias que não vivi
Mais é impossível,
Pois só saem partes da minha vida
Pedaços de mim,
Mesmo não tendo tanta coisa vivida assim, descrevo-me nestas linhas
Me componho..me diluo...e me entrego...
E cada vez mais vou construindo um personagem nestes textos
Que vive aqui no mundo real historias verdadeiras...

29 comentários:

Úrsula Avner disse...

Olá amigo, texto rico em sentimentos que o eu-lírico vai desnudando de forma leve e harmoniosa, trazendo lembranças da infância numa linguagem poética delicada e sensível. Bj.

Pelos caminhos da vida. disse...

Fim de semana de luz.

beijooo.

Bleeding Angel disse...

Temos a msm mania, eu tbm deixo a tv ligada qndo passo as madrugadas (todas elas na vdd) em frente ao pc.
Eh o melhor horario pra escrever, sem sombra de duvida e o horario em q me sinto mais disposto, mais produtivo.
E nada como o maravilhoso silencio da madrugada...

Confesso disse...

"... Pedaços de mim...
Me componho..me diluo...e me entrego..."

Uma doce descrição da rotina, da casa, da vida de todos nós...

Continue assim nessa entrega... É lindo!

Beijos confessos...

Vallenttina disse...

rsrsrr ,tbem gosto de ouvir a televisao ,enquanto estou na frente do pc, mesmo que nao olhe uma unica vez pra ela . rsrsrrsrs
otimo final de semana

Cristiane Marino disse...

Amigo! adorei esse texto, quanta sensibilidade e romantismo para escrever um texto tão suave sobre sua vivência, estou querendo aprender a fazer isso. Sempre escrevi textos sobre histórias apenas observadas e ultimamente não tenho sentido muita inspiração rs. Seu texto está muito gostoso de ler. Parabéns!

Dil Santos disse...

Oi Anderson, como está?
Sei bem como é isso, vc sentar em frente ao pc e ficar esperando as idéias, as palavras fluirem.
Eu costumo e prefiro normalmente escrever num papel, fazer uns rascunhos para depois passar para o pc, mas as vezes quando estou inspirado vou direto mesmo, rsrs.
Detesto café com leite, rsrsrs
E ñ sou muito fã do silêncio tbm, sou movido a música, praticamente tudo que faço eu prefiro fazer com um trilha de fundo, rsrs.

Abraços
:)

Dil Santos disse...

Sempre que leio um comentário seu fico lisonjeadíssimo, me sinto honrado ao lê-los. Só tenho a agradecer por suas palavras.
Eu durante minha fase "anoréxica", minha mãe vivia querendo empurrar esses tão famosos abridores de apepite, vitaminas e tal, eu sempre recusava, justamente para ñ engordar, eu ficava apavorado( e fico as vezes) só de pensar no fato de engordar.
Nos padrões médicos, estou abaixo do peso ideal para minha altura ( 1,87 e peso 75 kg) seco praticamente, mas pelo menos mão do tipo esqueléticvo, rsrs, mas nos padrões estéticos estou ótimo, rsrs
Estou bem com meu peso, com meu corpo e isso é q é importante.

Abraços
:)

Daniel Braga disse...

Nháà.. eu sei que tava sumido.. mas voltei =)

Adorei o post.. você forçou sua criatividade pra escrever né? Espertinho.
Tá fazendo frio ai? Aqui no RJ tá mó calor, ha.

~Até a próxima, amigo.

*DB*

Luan Fernando disse...

Temos algumas coisas em comum... também faço isso.

sonho disse...

Deve ser malo geral...:)
Beijo de um anjo

Vinícius Remer disse...

A vida começa a noite. É de noite que a loucura se confude com a sensatez. Também gosto da noite, sem ruídos, "dono da noite". Belo texto ;*

Jay e Alê disse...

Obrigado pelo carinho!
Você é um grande poeta, um gênio. Adoro ler tudo isso que vc escreve.
Abraço nosso.

Felipe Braga disse...

Olha, rapaz.
Teu blog é um acalento pra minha ânsia de leitura.
Devoro cada palavra aqui escrita.
Teu texto coloriu a noite chuvosa.
Abraço.

Memória de Elefante disse...

Com os olhos distraídos do cotidiano , nasce na noite um belo texto e assim vais tecendo teus dias na solidão e silêncio onde te acompanha a certeza de que não estás sozinho.

Abraço!

R. Sant'Anna disse...

Olá.
Primeiramente obrigada pela visita.

E sim, temos esse dom, ou maldição: nada além de mim mesma sai no que escrevo.

Espero voltar mais vezes.

Abraços

Jay e Alê disse...

Oi amigo.

Hehehehe ta faltando linkar vc. Assim a gente fica mais perto né?
Abraço e bom resto de semana.

Os intrigantes pensamentos da Lud disse...

Adorei o post! Pedaços da gente são sempre mais interessantes, qnd contados poeticamente, do que histórias inventadas que não condizem com os sentimentos verdadeiros...

*Obrigada pelo coment lah no blog! Realmente, o medo existirá se vc o deixar entrar pra sua vida..

Reflexos Da Vida disse...

A noite sempre foi a melhor companheira para quem precisa pensar e questionar sobre a vida,coisa peculiar de um virginiano!Gostamos da noite como companheira,pos nos escuta com tal dedicação!Ao dia fica complicado por os pensamentos em dia pela agitação da rotina da familia.
Gosto do seu modo de se expressar,embora muitos acham Facil fazer isso,coisa que não concordo,pois transformar sentimentos em palavras depende de muita energia e pensar!
Fica com Deus e um Abraço!

Fatima disse...

Vc sempre tão fofo comigo!
Muito obrigada pelo carinho!
Bjs.

Ausência Instável disse...

EiiiitCHAAAA!!!!
Fiquei ausênte, mas me deparo com um texto maravilhoso de como me sinto HOJE, dono da NOITE rs.
Um silêncio que deveria nos pertencer durante o dia também. Em melodias de leveza e PAZ.

A noite vem e existe para acalmar o coração que enm tantos desvaneios não sobra tempo para si mesmo,é o ponto em que não percebemos, e quando percebemos é tarde.

Está de PARABENS.
Me emocioneiii ...

Abração.

Moonlight disse...

Querido,

É sempre encantador ler suas palavras,seus sentimentos.
Na calada da noite somos donos de nós propios,escutamos nossas vozes interiores e tomamos consciencia da nossa propia historia.
Tambem gosto de quando o sono não vem ficar a escutar os silencios da noite.

Bjinho cheio de luar e carinho

♥ ♥ Eu disse...

Gosto de ouvir o silêncio da noite, ontem por exemplo choveu muito e ventou bastante, me deixei levar pelos pensamentos como a água q era levada pela chuva, essa sensação de paz, de poder tudo é incrível.

bjos prá vc!

CARLA FABIANE... disse...

OLÁ AMIGO!
DEPOIS DE MUDANÇA DE AP PARA UMA CASA, APESAR DE MUITO TRABALHO E FALTA DE TEMPO PARA MAIS NADA, MERGULHADA NA BAGUNÇA ORGANIZADA POR HORA MAIS ORGANIZADA, CONSEGUI POSTAR, E VENHO RETRIBUIR O CARINHO MARCADO POR SEUS COMENTÁRIOS.
OBRIGADA AMIGO!
TBM ADORO O SILÊNCIO DA NOITE, ME INPIRO COM O SILÊNCIO...
COMO SEMPRE BELO TEXTO.
MUITA LUZ E PAZ!
BEIJOS

Efigênia Coutinho disse...

"PEDAÇOS DE MIM!!!!"

Pleno sentir, uma alma desnuda, sem máscaras, sem roupa, só o sentir verdadeiro, você é o
MÁXIMO

Passa na minha casinha, tem um convite especial,
Efigênia Coutinho

Jamylle Carvalho disse...

Suas palavras me encantam.
Adoro vir aqui e ler teus textos!
Beijo ;*

Hosana Lemos disse...

meus textos, meu refúgio, meu abrigo!

adorei o blog!
=*

Jamylle Carvalho disse...

Tem um selinho pra vc no meu blogue, anjo! *.*

http://jamyllecarvalho.blogspot.com

CooKie disse...

QUE LINDO!!!!!!!!!!!!
achei muito perfeito esse texto, de um jeitinho estranho...